11 novembro 2007

Serei eu maquiavélico?

A propósito do incidente no Chile, duas conclusões. A primeira a óbvia: o Chávez devia estar autorizado a mandar nele próprio e nada mais. Fosse um mundo um lugar aconselhável a criancinhas e este senhor não só não presidia a nada, quanto mais teria em curso (com grande probabilidade de sucesso) a mais do que provável hipótese de ser reeleito ad-eternum dono e senhor de 25% das reservas de petróleo do globo.
Em segundo a menos óbvia. O Rei ( sim, o Juan) esteve muito bem. Mas não terá sido tudo orquestrado entre o Zapatero e o seu "amigo" Chávez para que o ZP conquistasse o apoio do eleitorado pendular espanhol a cinco meses das eleições. Este ZP, que até o Aznar defende, tem uma enorme postura de Estado. A que não teve a 11 de Março de 2004!

3 comentários:

Anónimo disse...

Que grande confusão!

Carreira disse...

SILÊNCIO CULPADO disse...
Perante uma grande sacanice que está a ser feita sobre alguns professores que não recebem vencimento,têm horários d e12 horas ou estão a recibos verdes sugere-se que todos os blogues publiquem a notícia que está no http://cegueiralusa.com

FT disse...

Confuso?

Talvez isto ajude: http://www.elpais.com/videos/gente/Pais/Guinoles/elpvid/20071112elpepuage_3/Ves/

Se não, juntemos isto:
http://www.elmundo.es/elmundo/2007/11/12/espana/1194890125.html

Depois concluamos isto:
http://www.elmundo.es/elmundo/2007/11/12/espana/1194842265.html

Melhor?