04 janeiro 2005

Ter medo político

O que é ter medo político?
-É convidar o Pôncio Monteiro para as listas de um partido para contrabalançar a acção do Pinto da Costa pelo outro partido
-É um açoriano encabeçar uma lista partidária...no Alentejo, para não ser nº 3 nos Açores (lugar duvidosamente elegível)
-É falar sobre as cerimónias de graduação do 12ºano (de "atirar o chapelinho ao ar"), quando as coisas verdadeiramente importantes e polémicas continuam a não ser alvo de debate político
-É não tomar posições de fundo e de longo prazo porque o tacho de curto prazo pode estar comprometido, nomeadamente o lugar de deputado ou de assessorzinho

Há quem chame a isto calculismo. Eu chamo-lhe cobardia. É este o primeiro e mais importante princípio para ter sucesso na vida política portuguesa.

"Calai-vos e comei esta é a carne de que é feita a V. carreira e a dos V. protegidos"

Este é um país de medrosos e fracos


2 comentários:

mfc disse...

E não é que vai por aí uma crise...

clark59 disse...

Num blog iminentemente (e eminentemente) político, acho que não me fica mal roubar aqui um espaço para dizer que lá no claquequente@blogspot.com estou a realizar uma pool eleitoral. Apareçam!